loader

Polícia dispersa aglomeração com lançamento de gás lacrimogêneo em Porto Alegre

  • Home    /
  •    Notícias    /
  • Polícia dispersa aglomeração com lançamento de gás lacrimogêneo em Porto Alegre
Polícia dispersa aglomeração com lançamento de gás lacrimogêneo em Porto Alegre

Incidente ocorreu na Rua da República, no bairro Cidade Baixa.

Um bar foi interditado e um homem foi detido por suspeita de repassar dinheiro falso no bairro Moinhos de Vento.

Na Serra do RS, uma festa com 800 pessoas foi encerrada pela polícia.

Aglomeração no bairro Cidade Baixa, em Porto Alegre Guarda Municipal/Divulgação Agentes da Guarda Municipal e da Brigada Militar (BM) dispersaram aglomerações entre a noite de sábado (3) e a madrugada deste domingo (4) em Porto Alegre.

No bairro Cidade Baixa, a fiscalização fez uso de gás lacrimogêneo para desfazer uma concentração na Rua da República.

Segundo o comandante da Guarda Municipal, Marcelo Nascimento, a ação se deu após o grupo lançar objetos contra os agentes.

A corporação não tem estimativa de quantas pessoas estavam no local.

Também houve dispersão em outros pontos da Cidade Baixa, no Centro Histórico e no bairro Moinhos de Vento.

Na Rua Comendador Caminha, próximo ao Parque Moinhos de Vento, o Parcão, um bar foi autuado e interditado cautelarmente por não respeitar os protocolos de distanciamento.

Durante a operação, a fiscalização foi alertada de que um homem estava repassando dinheiro falso.

O suspeito foi imobilizado por populares.

Após atendimento médico, ele foi levado para a Polícia Federal, onde ficou detido.

Comerciantes que foram lesados se apresentaram voluntariamente para depoimento, disse a Guarda Municipal.

Flores da Cunha Uma festa com cerca de 800 pessoas foi interrompida, pela Brigada Militar, na madrugada deste domingo, em Flores da Cunha, na Serra do RS.

O evento ocorria no distrito de Otávio Rocha.

Segundo a Brigada Militar, cerca de 100 veículos, que estavam estacionados na rua, foram autuados por estar restringindo a circulação do local, sem autorização.

O valor somado das multas foi de R$ 500 mil, além disso, os motoristas tiveram o direito de dirigir suspenso por 12 meses.

Ainda de acordo com a BM, um homem suspeito de ser o responsável pelo local foi identificado e assinou um termo circunstanciado.

Ele foi liberado na sequência.

Brigada Militar encerrou festa com 800 pessoas em Flores da Cunha BM/Divulgação VÍDEOS: Tudo sobre o RS


Publicada por: Rádio Cidade 100.7 FM

BAIXE NOSSO APP

Utilize nosso aplicativo para escutar CIDADE FM LITORAL direto de seu dispositivo movel.

img

Copyright © 2020 CIDADE FM LITORAL. Todos os direitos Reservados.

Adonis Music R&B